'Era alegre e acolhedora', diz irmã de mulher que contraiu Covid e morreu após acidente

IVIAGORA


“Era alegre, acolhedora e dedicada a profissão”, são as primeiras qualidades citadas, por Miria Alves, 41, ao se referir à irmã Valquiria Alves, 42, que morreu de covid nesta sexta-feira (09). O óbito ocorreu no Hospital da Vida, unidade onde ela estava internada desde o dia 1º de junho após sofrer acidente de trânsito e precisar amputar uma perna. No local, ela contraiu o vírus posteriormente. 

Miria estava junto a irmã no dia do acidente (01/06), pois as duas voltavam do trabalho, em uma motocicleta.

Quando estavam no cruzamento da avenida José Roberto Teixeira com a rua Bezerra de Menezes, as vítimas foram colhidas por um GM Vectra, conduzido por um homem que deixou o local, sem prestar socorro. 

Miria teve o tornozelo trincado por conta da colisão e ainda se recupera, mediante atestado médico. Ao falar sobre o ocorrido, ela se emociona e cita “Estivemos juntas até o fim”. 

As irmãs trabalhavam juntas como técnicas de enfermagem no Hospital Universitário de Dourados. 

“Íamos e voltávamos juntas do trabalho, tentávamos pegar as folgas sempre no mesmo dia, éramos muito unidas” conta, ao complementar emocionada, “estávamos bem e de repente, vem uma pessoa que não respeita o “Pare”, foge e tudo fica tão difícil agora, é uma perda irreparável”, diz. 

O responsável pelo acidente se apresentou à polícia nove dias depois do ocorrido. O advogado de defesa das vítimas, Vilmar Rocha, havia informado que o homem não havia prestado auxílio financeiro às vítimas, para tratamentos de saúde, mesmo dias após o acidente. 

Ao falar lembrar da irmã, Miria cita sobre a bondade que sempre a acompanhava e também que fazia muitas amizades, por onde passasse. Conta também que os colegas de trabalho ainda estão bastante chocados e tem feito várias homenagens à mulher. 

“Demonstrava muito amor com todos, com nossa mãe, somos filhas únicas, também na casa dela, sempre tentando resolver o problema de todos e sempre fazendo amigos, pelo jeito que era. No trabalho, todos gostavam muito dela, ainda estão sem acreditar”, diz.  

Valquiria deixa dois filhos e quatro netos. 

DESPEDIDA  

O  velório de Valquiria Alves, é neste sábado (10), das 07h às 09h, na capela do PAX, localizada na Rua Coronel Ponciano.