Menu
8 de abril de 2020
10º min
16º min
31/08/2019 às 22h07

Fumaça tira visibilidade de motoristas e provoca acidente com mortes


iviagora

Um acidente de trânsito provocou a morte de seis pessoas na tarde deste sábado (31), na Rodovia Homero Severo Lins (SP-284), em Martinópolis (SP).

Um caminhão e uma van bateram de frente, por volta das 16h30, em decorrência da falta de visibilidade aos condutores por causa da fumaça provocada por focos de incêndio de grandes proporções em vegetação às margens da rodovia.

Os veículos pegaram fogo após a batida e seis pessoas morreram carbonizadas no local, de acordo com o Corpo de Bombeiros.

Os corpos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML), em Presidente Prudente (SP), para a identificação das vítimas.

Uma pessoa foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros com queimaduras graves e encaminhada ao Hospital Regional (HR), em Presidente Prudente, para receber atendimento médico.

A van transportava pacientes de Rancharia (SP) que voltavam de tratamento de hemodiálise em Presidente Prudente.

O caminhão transportava uma carga de placas de vidro.

Segundo os próprios bombeiros, outras vítimas com ferimentos foram socorridas por motoristas que passavam pelo trecho e levadas a unidades de saúde para receber atendimento médico.

Equipes do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar Rodoviária prestam atendimento neste momento no local.

A Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil (Compdec) também trabalha no combate ao incêndio.

 

Devido à falta de visibilidade no local, a orientação da Polícia Militar Rodoviária é para que os motoristas deixem de trafegar pela referida estrada neste momento.

O trânsito está completamente interditado na rodovia.

A ocorrência segue em atendimento.

A Prefeitura de Rancharia divulgou uma nota oficial em que “lamenta profundamente” o acidente ocorrido na tarde deste sábado (31) entre uma van da saúde e um caminhão “por conta da fumaça provocada por focos de incêndio em vegetação às margens da rodovia SP-284”, no município de Martinópolis.

Seis pessoas morreram carbonizadas na SP-284, em Martinópolis — Foto: Cláudio da Ponte

“A Prefeitura se solidariza com os familiares das vítimas, se colocando à disposição para prestar toda assistência necessária. Com isso, foi montada uma central de apoio no Posto de Saúde com psicólogos e assistentes sociais”, salientou o Poder Executivo.

Seis pessoas morreram carbonizadas na SP-284, em Martinópolis — Foto: Cláudio da Ponte

A Polícia Científica foi acionada para periciar o local e investigar as causas do acidente.

O chefe da Brigada Municipal de Atendimento de Desastres de Martinópolis, Victor Hugo Rocha, que atuou na ocorrência, contou que os trabalhos de combate ao incêndio em vegetação às margens da rodovia tiveram início às 14h45.

Seis pessoas morreram carbonizadas na SP-284, em Martinópolis — Foto: Paulo Sérgio Santana

No entanto, por volta das 16h15, uma ventania muito forte que atingiu a região propagou o fogo e as chamas chegaram a um bambuzal.

“A fumaça ficou muito forte, assustadora, e atravessou as pistas da rodovia. O bambuzal caiu em chamas e o fogo atingiu uma vegetação do outro lado da via. Neste ínterim, ocorreu o acidente. Em razão da fumaça, não tinha visibilidade na rodovia no momento do acidente”, disse Rocha

Seis pessoas morreram carbonizadas na SP-284, em Martinópolis — Foto: Paulo Sérgio Santana

Seis pessoas morreram carbonizadas na SP-284, em Martinópolis — Foto: Paulo Sérgio Santana

 

Seis pessoas morreram carbonizadas na SP-284, em Martinópolis — Foto: Cláudio da Ponte

Seis pessoas morreram carbonizadas na SP-284, em Martinópolis — Foto: Cláudio da Ponte

 

Seis pessoas morreram carbonizadas na SP-284, em Martinópolis — Foto: Bruna Bachega/TV Fronteira

Seis pessoas morreram carbonizadas na SP-284, em Martinópolis — Foto: Bruna Bachega/TV Fronteira

 
 

Seis pessoas morreram carbonizadas na SP-284, em Martinópolis — Foto: Bruna Bachega/TV Fronteira

Seis pessoas morreram carbonizadas na SP-284, em Martinópolis — Foto: Bruna Bachega/TV Fronteira

 

Fumaça do incêndio tirou a visibilidade dos motoristas na rodovia — Foto: Compdec

Fumaça do incêndio tirou a visibilidade dos motoristas na rodovia — Foto: Compdec