Menu
23 de fevereiro de 2020
10º min
16º min
28/01/2020 às 11h37

Polícia Militar Ambiental de Dourados autua mato-grossense em R$ 20,2 mil e apreende 108 kg de pescado


iviagora

A Polícia Militar Ambiental de Dourados foi acionada por Policiais Rodoviários Federais (PRFs) do posto daquela cidade, para verificar possível irregularidade no transporte de 108 kg de pescado, inclusive, das espécies dourado e piracanjuba, que estão com pesca proibida em Mato Grosso do Sul.

O infrator foi abordado ontem (27) às 21h30, em um veículo Toyota Hillux, onde estavam 108 kg de pescado das espécies dourado, pintado, pacu, piapara, curimbatá, piracanjuba e bagres, havendo exemplares abaixo da medida permitida para a pesca no Estado. O homem de 44 anos, residente em Rondonópolis (MT), alegou ter praticado pesca e capturado os peixes no Paraguai, porém, não possuía nenhuma comprovação e nem apresentou qualquer documentação de legalização de entrada do pescado no Brasil.

Incialmente, comprovou-se apenas a infração administrativa pela irregularidade no transporte do produto. O pescado e o veículo foram apreendidos administrativamente e infrator foi autuado e multado em R$ 20.207,00. O Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul julgará a infração, depois de defesa do infrator.

Para apuração de possível crime de pesca e transporte de produto da pesca predatória, os autos serão encaminhados ao Ministério Público de Dourados. Caso se apure que o infrator pescou no Brasil, além da infração administrativa que gerou a multa de R$ 20.207,00, ele responderá por crime ambiental. A pena para este crime é de um a três anos de detenção. O pescado será doado para instituições filantrópicas.