Menu
4 de julho de 2020
10º min
16º min
30/05/2020 às 07h33

Venezuelana vítima de covid não tinha relato de comorbidade


iviagora - douradosagora

Rulesis Esther Hernandez, de 27 anos, vítima de coronavírus nesta sexta-feira (29) em Dourados não tinha histórico de comorbidade, divulgou a Secretaria de Estado de Saúde.

Venezuelana, ela morava há um ano e oito meses na cidade com o marido e três filhos (6, 3 e 1 ano). O homem, que trabalha num frigorífico, está de quarentena, mas não há informação se ele tem o vírus.

A jovem procurou a UPA na quarta-feira com crise convulsiva e relatou que estava com tosse e sem paladar há dias. Devido ao estado crítico de saúde foi transferida para o Hospital Universitário. O exame de Covid foi realizado e deu positivo ontem.

 

A família não pôde se despedir de Rulesis. O caixão foi lacrado e do hospital o corpo seguiu diretamente para o cemitério.

Ela é a segunda vítima da doença em Dourados. A primeira foi de um caminhoneiro de 56 anos residente na cidade, mas que estava a trabalho no Tocantins, onde passou mal, foi internado e morreu.

Agora, Mato Grosso do Sul passa a ter 19 mortes por coronavírus, sendo 6 óbitos em Campo Grande, 5 em Três Lagoas, 2 em Batayporã, 1 em Paranaíba, 1 em Vicentina (ocorrido no Estado de São Paulo) e 2 em Dourados.