Menu
4 de julho de 2020
10º min
16º min
18/06/2020 às 22h13

'Pense no próximo', diz filha de homem que morreu de Covid-19


iviagora - EPTV

O pedreiro Aparecido Vieira, de 57 anos, foi enterrado na manhã desta quinta-feira (18), após morrer de Covid-19 depois de aguardar por cinco dias um leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em Santa Bárbara d'Oeste (SP).

Vieira estava entubado e em estado grave desde a última sexta-feira (12) com insuficiência renal e respiratória. Antes do falecimento, a filha do pedreiro fez uma publicação nas redes sociais onde dizia que o pai aguardava pelo leito desde sexta.

Após o enterro, a filha dele gravou um vídeo contando sobre a perda e dando um recado para as pessoas.

"Eu acabei de enterrar meu pai. Eu queria dizer que eu nunca imaginei passar por essa situação. Ele, uma pessoa tão trabalhadora e pagava certinho seus impostos, e não conseguir uma vaga de UTI, não ser tratado com dignidade... Eu tô sabendo que já tem mais gente na mesma situação e não tem leitos disponíveis. Eu queria deixar um recado para quem tá achando que tudo isso é brincadeira, que fique em casa, que se cuide, pense no próximo, na família."

Demora

 

Segundo o genro de Vieira, com a demora, a médica do paciente fez na terça-feira (16) uma carta de próprio punho falando da necessidade do leito para que familiares tentassem na Justiça uma liminar.

Na carta, a médica de Vieira explica que ele estava com um quadro de “insuficiência respiratória grave" consequente da Covid, se encontrava com quadro grave, apresentando insuficiência renal e necessitando de internação na UTI.